Drogarias e Farmácias

sexta-feira, 17 de novembro de 2017

Papa Francisco aparece em foto de mãos dadas com um Padre revolucionário pró-gayzismo



Diz a Bíblia:

Porque nada há encoberto que não haja de ser manifesto; e nada se faz para ficar oculto, mas para ser descoberto.
Marcos 4:22
Artigo do site católico o Principe dos Cruzados.
No dia 21 de Março, o Papa Francisco visitou a paróquia de São Gregório VII em Roma, e apareceu em uma foto de mãos dadas com o Pe. Luigi Ciotti.

Não sabemos se isso na Itália é comum entre os homens, mas em muitos lugares significa namoro, inclusive dentre homossexuais. Que o Papa tem um namorado e sai de vez em quando com ele de mãos dadas é algo que nos causa dor só em cogitar. Ora, Nosso Senhor era Deus e no entanto exibimos Ele crucificado, o que parece contraditório, pois como um Homem-Deus seria crucificado pelos homens? Do mesmo modo é a Santa Igreja, corpo místico de Cristo, e que aparece nesses tempos dos modos mais alheios à Santidade Dela. Alguns se envergonham e fogem, outros cobrem com o pano, nós continuamos a amar o crucificado por inteiro.

Quem é o Padre Ciotti ?
É a favor dos direitos homossexuais, no caso a aprovação do "casamento gay" e a adoção de crianças pelos homossexuais. Em uma foto logo abaixo ele participa de uma parada gay.


É também amigo do Padre Andrea Gallo, que morreu menos de um ano atrás.
Abaixo, foto do Padre Gallo, que igualmente participava e apoiava
movimentos homossexuais e as paradas gays.


O funeral do Padre Gallo teve participação livre de homossexuais e comunistas, porque ele, como se vê nas fotos seguintes, era ativista do gayzismo.



Abaixo o Cardeal Bagnasco dando comunhão para transexual
na missa de falecimento de Don Gallo.


(será mera impressão ou o Vaticano está se tornando como aquele filme:"A Gaiola das Loucas")
Ó Senhor dos Exércitos, que tacou fogo nos sodomitas por ódio ao pecado contra a natureza, que lavou a terra com água por causa que homens morreram de amor pela carne, peço, pela intercessão da puríssima Virgem Maria, que nos encha de Santa Ira tantas abominações contemporâneas, para que, com essa ira, nós possamos pedir a misericórdia Divina pela salvação dos homens, conversão dos pecadores, lembrando sempre que se talvez nós fôssemos um pouco mais santos, tais abominações nunca aconteceriam.
Fontes: www.direttanews.it  e  o  Principe dos Cruzados
--------------------------------------------------------
Nota final de www.rainhamaria.com.br
Por Dilson Kutscher
Como pode, estes eclesiásticos...e Francisco também está incluido nisto, que se dizem servidores da "Verdadeira Igreja de CRISTO", mas...com seu apoio ao gravissimo pecado do homossexualismo, rasgaram a SAGRADA ESCRITURA. Que "igreja" é está que eles anunciam?? De DEUS não é mais com certeza.
NOVAMENTE LEMBRANDO...
Em uma entrevista de 1992 com o Padre Malachi Martin, consultor teológico do Cardeal Augustin Bea, disse o seguinte: Não há dez bispos que concordem com alguma coisa. Não há duzentos padres que concordem com alguma coisa. Não há coesão sobre a presença real do Santíssimo Sacramento, sobre a devoção a Nossa Senhora, sobre o valor do celibato, sobre o valor da pureza, sobre o valor do matrimônio, ou sobre o valor da vida humana. Estamos divididos pela dissensão. A maioria dos católicos romanos da América aceitam a contracepção. A maioria aceita o aborto como opção. Um elevado percentual aceita o homossexualismo. O que é isso? Temos o homossexualismo nos seminários, dirigidos pelos bispos. Temos hereges ensinando nos seminários, dirigidos pelos bispos. A Igreja como a conhecíamos não existe mais! E Roma não pode fazer nada a respeito. O Cardeal Ratzinger não pode fazer nada a respeito. O Papa não pode fazer nada a respeito. Eles sabem disso tudo, mas eles não podem fazer nada a respeitoEntão, descobrimos que há um anel de sacerdotes na Arquidiocese de Chicago, que tem praticado pedofilia satânica. Por quanto tempo isso tem ocorrido? E ninguém tem feito nada a respeito! A Igreja não existe como antes.”
No outono de 2002, o Padre Nicholas Grüner, perito de Fátima mundialmente conhecido, escreveu: “Deus também nos fala através da Mensagem de Fátima que Ele punirá o mundo através de castigos. O que a maioria das pessoas não sabe, incluindo aqueles na Igreja, é que a perseguição à Igreja é o que estamos enfrentando atualmente. Isso é um castigo terrível. A Santa Madre Igreja atualmente está sendo perseguida...
Pela infiltração de homens perversos; homens hereges; homens apóstatas, como, por exemplo, maçons, comunistas e, particularmente, pela rede de pedofilia e homossexuais. A perseguição da Igreja é um castigo espiritual muito pior do que todos os castigos materiais. É esse castigo espiritual que está na raiz do escândalo de pedofilia na Igreja hoje em dia.

Disse São Roberto Belarmino:
“Pela fé vem a justificação, desde que seja verdadeira e sincera, não falsa e afetada. A fé dos heréticos não conduz à justificação, pois não é verdadeira, é falsa; a fé dos maus católicos não conduz à justificação por que não é sincera, mas afetada. É afetada de duas maneiras: quando nós não acreditamos realmente, mas somente fingimos acreditar; ou quando, apesar de acreditar, não é vivida, como acreditamos que deve ser. Nestas duas situações é que as palavras de São Paulo na epístola a Tito devem ser compreendidas: Afirmam conhecer a Deus, mas negam-no com seus atos (Tt 1, 16a).

Diz na Sagrada Escritura:
"Eles são do mundo. É por isto que falam segundo o mundo, e o mundo os ouve.

Nós, porém, somos de Deus. Quem conhece a Deus, ouve-nos; quem não é de Deus, não nos ouve. É nisto que conhecemos o Espírito da Verdade e o espírito do erro". (I João 4, 5-6)