Drogarias e Farmácias

segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

IRÃ AMEAÇA: JERUSALÉM SE TORNARÁ 'CEMITÉRIO DE JUDEUS'


O comandante geral da Guarda Revolucionária do Irã, Ali Jafari, declarou o reconhecimento de Jerusalém como a capital de Israel "um erro histórico" e disse que "ele transformará Jerusalém em cemitério do regime sionista".

Jafari criticou a Arábia Saudita, que está batalhando o Irã pelo o controle da península, por coordenar posições para a decisão americana nos últimos meses.

Ele acrescentou que o reconhecimento de Jerusalém era "uma continuação direta das tentativas americanas e israelenses de destruir a Mesquita Al-Aqsa", e convocou os muçulmanos a "resistir à trama que este países criaram". O regime radical do Irã é sem dúvida alguma um grande perigo para a estabilidade mundial, não somente no Oriente Médio.

A Casa Branca está exortando todas as partes a "agir em uma questão favorável à paz" em meio a protestos violentos sobre a decisão do presidente Donald Trump de reconhecer Jerusalém como a capital de Israel.

O porta-voz da Casa Branca, Raj Shah, disse aos repórteres a bordo da Air Force Once que "o presidente pediu calma e moderação". E ele diz que espera que "as vozes da tolerância" prevalecerão sobre todos os "provedores de ódio".






Via https://www.cafetorah.com/ira-ameaca-jerusalem-se-tornara-cemiterio-de-judeus/